| | 561 Utilizadores on-line |    

Login [Entrar]

 
   
 
 
Relatos de Montaria

Início

Anterior

Próximo

Fim


Arcos de Valdevez
Montaria reuniu 210 participantes com 7 javalis abatidos
 

     

Autor: JOAQUIM CAMPOS

14-01-2009 16:00:00

 

   
   
Saldou-se em êxito a Montaria ao Javali na zona associativa de caça de Rio Frio, levada a efeito no passado Domingo dia 11, em Arcos de Valdevez, registando-se o abate de sete exemplares, dois dos quais de grande porte.

Data: 11 de Janeiro 2009
Local: Arcos de Valdevez
Organização: Clube de Caça e Pesca de Arcos de Valdevez
Capitao de Montaria: Joaquim Campos
Director da montaria :Victor Pinto
Preço: 30/35/40 €
Mancha: Cerca de 600 ha
Matilhas: 15
Portas: 170
Tempo: Agradável, com sol e frio
Tiros: Contei cerca de 60
Resultado: 7 javalis (dois navalheiros)

Depois do êxito do ano passado do abate de 8 javalis (a mancha foi nomeada uma das melhores na Gala dos Monteiros do Alto Minho, em que lhe foi atribuída o troféu "mancha de prata"). Foi mais uma montaria organizada pelo CLUBE DE CAÇA E PESCA DE ARCOS DE VALDEVEZ.

Um dia com bastante sol e com ele, ofereceu um dia muito frio mas com a espectacular beleza que a neve transmite. Neste últimos dias o concelho de Arcos de Valdevez foi brindado com um imenso coberto de neve, que foi permanecendo até a realização da montaria, ficando assim um cenário lindíssimo, mas dificultando um pouco a distribuição das armadas e o transporte das matilhas, pois só poderiam ser transportados em veículos todo-o-terreno, mas rapidamente foi resolvido.

Foi com a presença de 170 Monteiros, de vários pontos do Pais, apoiados por 14 matilhas portuguesas e 2 espanholas, que fez um total de 210 participantes. A concentração da montaria pelas 8.30h, foi na casa da mesa do monte do Castelo, o­nde foi servido o “mata-bicho”. À chegada dos Monteiros confirmava-se a inscrição e sorteavam-se as portas. Eram 12 o total das armadas.

O Presidente do Clube de Caça e Pesca Joaquim Campos e o director da montaria Victor Pinto logo juntaram todos os intervenientes para com breves palavras explicar como iria ser a jornada de caça. A mancha a montear situou-se numa zona denominada por Folão, na Freguesia de Rio Frio com uma área de 600 hectares. Eram cerca das 11.00h horas quando as armadas se puseram a caminho em direcção ao local indicado para a montaria.

Cerca das 12:00 soou o foguete dando indicação que as matilhas haviam sido largadas. O período de maior actividade dos javalis na mancha, e que proporcionou muitos tiros, foi nas primeiras duas horas da montaria. Embora as ladras até ao final da montaria cerca das 15:30 horas foram contínuas o que em conjunto com os bastantes tiros. Foram 3.30h de espingarda em riste, concentração e perspicácia, à espera que algum javali saltasse do mato afugentado pelo latido dos cães. Ouviram-se cerca de 60 tiros e no final o relato de muitos falhanços, pois foi os bastantes javalis que conseguiram escapar.

Quanto às matilhas fizeram um bom trabalho, pois quase todas elas desacamaram javalis, ficando algumas delas com vários cães feridos, inclusive um excelente agarre da matilha ibérica de Miguel Cerqueira. Num desfecho pior teve a matilha do vale de Eugénio, que depois dum levante dum navalheiro viu um dos seus melhores cães a ser ferido e a não resistir, vários navalheiros se encontravam dentro da mancha.

Resultado final, sete javalis abatidos e outros tantos que conseguiram furar o cerco. Os javalis abatidos com pesos a variar entre os 40 e os 60Kg, à excepção de dois deles, já com um peso de respeito, a rondar os 100kg sendo dois bons navalheiros.

Os caçadores de Arcos de Valdevez estiveram em plano de evidência, pois quase todos os animais foram abatidos por Monteiros residentes no concelho. Coube a José Manuel Faia, da freguesia de Sá, a sorte de abater o maior javali por sinal 1 navalheiro de muita alta qualidade, esperemos pela sua homologação. Pois nesta mesma mancha já foi obtida uma medalha de ouro atribuída pela comissão nacional de homologação de troféus. No final procedeu-se ao respectivo leilão dos animais abatidos e ao respectivo almoço com todos os participantes. Foi assim mais um quadro de caça excelente que regalou todos os presentes.

C.C.P.A.V.
 

 
Imprimir   Imprimir
     
     
     
     
 
 
 
Votos (5)    
 
     
   
     
  Voltar

 
 

| Ficha Técnica | Aviso Legal | Política de Privacidade |

 

(TES:0s) © 2004 - 2020 online desde 15-5-2004