| | 571 Utilizadores on-line |    

Login [Entrar]

 
   
 
 
Artigo

Início

Anterior

Próximo

Fim


Deutsch Drahthaar - Morfologia e Trabalho
 

     

Autor: Pedro Couto

14-06-2004 0:01:00

 

   
A origem desta excelente raça de cães é a Alemanha. A sua denominação de origem é: Drahthaariger Deutscher Vorstehhund, cuja tradução é Braco Alemão de pelo cerdoso, – o que não quer, nem pode dizer que a mesma deva ser assim designada em português –, e é só o cão de parar mais popular, recente e com maior número de registos no seu país de origem, apesar dos condicionalismos colocados pelo Clube de Raça, em relação aos progenitores.

Esta raça esta inserida no 7.º grupo na F.C.I., em continentais, sendo as suas características básicas as seguintes:
A Altura do garrote, irá de 60 a 67 cm nos machos e de 56 a 62 cm nas fêmeas, o seu Peso, será entre os 25 e 30 kg e a Pelagem variará entre o castanho com branco e ou bege e preto com branco. Possui uma Longevidade de entre 12 a 14 anos, com um Carácter, nervoso, apegado ao dono e enérgico, sendo que a sua Relação com outros cães e crianças boas e muito boas respectivamente. É necessário possuir um bom Espaço, para que se possa exercitar. A Alimentação, deve ser composta por um alimento seco de boa/muito boa qualidade, na ordem de 400 a 450 gramas por dia e em idade adulta. Como Aptidões, é um cão de parar muito polivalente, chegando no seu país de origem, a ter que ser submetido a provas que englobam rasto de sangue sobre raposas e caça maior.

 

Estalão de Beleza
(Segundo o estalão 98 da F.C.I.)


ASPECTO GERAL:
Cão de parar com um aspecto que o distingue dos demais, com um pêlo cerdoso que protege perfeitamente a pele, o seu temperamento é vivo com uma expressão enérgica e atenta. O seu andamento dever ser enérgico e de grande amplitude, sendo fácil e harmonioso. A cor da pelagem é a já descrita anteriormente.
PROPORÇÕES: O comprimento do corpo e altura ao garrote devem ser os mais iguais possíveis, podendo o comprimento exceder em 2 cm a segunda. A altura é também a descrita anteriormente.

PELE: Muito tensa e o corpo isento de rugas.
PÊLO: Rijo “cerdoso”, acamado e denso. O pêlo de cobertura vai de 2 a 4 cm e o sub pêlo é denso. Os contornos do corpo devem ser bem marcados. O pêlo da parte inferior do ventre deve ser mais curto, sendo que na cabeça e orelhas deve ser mais curto, sem deixar de ser denso e suave. As sobrancelhas devem ser pronunciadas e a barba abundante, não muito comprida e suficientemente rija.

Conformação Geral do Corpo:

As proporções adequadas, o aspecto seco, as articulações, os tendões, os ligamentos, contribuem para dar aos DEUTSCH DRAHTHAAR a possibilidade de se deslocar com resistência, rapidez e flexibilidade.
CABEÇA: Esta deve estar em conformidade com o sexo e o tamanho do cão. O focinho deve ser comprido, largo e potente. A dentadura deve ser em tesoura e completa. Os lábios devem ser firmes e as orelhas de tamanho médio, com implantação alta, bem afastadas e não retorcidas. Os olhos devem ser límpidos, o mais escuro possível, de acordo com a pelagem, não muito aprofundado nas órbitas. As pálpebras devem ser bem unidas.
PESCOÇO: Deve ter um comprimento médio, bem constituído e muito musculoso embora seco.
GARROTE: Alto largo e bem musculado.
PEITO: Este deve ser largo e bem descido, bem pronunciado na sua parte anterior, o esterno alonga-se o mais possível para trás. As costelas devem ser bem arqueadas.
DORSO: Curto; a linha do dorso deve ser recta, apenas apresentando uma ligeira inclinação. O lombo é musculoso e os quadris deverão ser suficientemente largos.
GARUPA: Longa e ampla, em queda muito suave e muito musculosa.
CAUDA: A sua implantação encontra-se no prolongamento da linha superior. A cauda é trazida a mais recta e horizontal possível ou então, ligeiramente curvada para cima, nunca anda levantada. Também não pode ser demasiado grossa. Normalmente corta-se pelo seu terço.
VENTRE: Deve ser ligeiramente subido para trás e recolhido. O flanco é curto e está dirigido para cima.
OMBROS: Devem ser bem implantados e oblíquos. O braço deve ser o mais comprido possível. Os codilhos não devem ser desviados para fora nem torcidos para dentro.
PATAS: Estas devem ser vigorosas, secas e quando vistas no sentido do comprimento são verticais. A angulação das patas posteriores permite dar impulso aos quartos traseiros. A região metacarpiana é ligeiramente inclinada e elástica.
PÉS: Os mesmos serão arredondados; os dedos são unidos e as almofadas suficientemente grossas e firmes. Dispõem-se paralelamente ao eixo longitudinal do corpo.

Estalão de Trabalho
Ainda que a sua paixão seja a caça de pena, não nos podemos esquecer quando o julgamos numa prova de caça, que é um cão apto para seguir rasto de caça e rasto de sangue.
O Deutsch Drahthaar é um GALOPADOR médio com momentos de trote. No acto de caça guarda um contacto bastante estreito com o seu proprietário ou condutor, dando ao mesmo tempo a impressão de que nada o pode desviar da busca de caça.
O seu GALOPE deve dar a impressão mais de poder do que de ligeireza.
Na sua busca, os lanços quando efectuados a TROTE o Deutsch Drahthaar pode chegar a efectuar ligeiros controlos no solo. Esta situação no entanto não se pode prolongar.
O PORTE DA CABEÇA que nesta raça não se situa acima da linha dorsal, encontra-se mais propriamente no seu prolongamento. Incluso no extremo dos lances, um Deutsch Drahthaar que morfologicamente seja bem constituído não baixa a cabeça, com o fim de manter o contacto com o vento e as possíveis emanações. No caso de cães utilizados para outras actividades venatórias, o porte da cabeça pode situar-se por baixo da linha dorsal. Sendo importante não recusar estas linhas, uma vez que o mesmo pode indicar a selecção para pistas de rasto, que se efectua na Alemanha, o­nde caçam mais de 40 mil Deutsch Drahthaar.
A BUSCA, deve ser em provas de Primavera da ordem de 50 m à frente e em provas de caça Prática de 40 a 50 metros.
Os lances não são sempre iguais e regulares, admitindo-se os mesmos para o interior. Por vezes o Deutsch Drahthaar, trava a sua busca e dá meia volta para controlar alguma emanação. Possui também a tendência a afastar-se ligeiramente em terrenos planos, mas, não acontecendo o mesmo nos terrenos mais fechados, nos quais procura constantemente o contacto com o caçador/condutor.
Estas características assim como os controlos no solo, se são breves não devem ser consideradas faltas.

A PARAGEM (MOSTRA) do Deutsch Drahthaar muita das vezes dá a impressão de que se encontra na presença de um “muro”, pois a sua mostra é repentina, autoritária e de pé. Por vezes acontece o mesmo após alguns metros de rastro. Na sua posição de paragem deixa ver todo o seu porte poderoso e autoritário, nada pode separá-lo do seu dever e isto compreende a guia à ordem do seu condutor.

A GUIA do Deutsch Drahthaar é característica, com maior frequência a cabeça situa-se na prolongação do dorso ou ligeiramente abaixo. O porte mostra signos de autoridade. Um Deutsch Drahthaar de qualidade guia com decisão, mas, pode rastrear por alguns metros se a caça se tiver movimentado. Ao levante da peça volta à posição alta, respeita o mesmo e dá muitas vezes a impressão de frustração por não ter conseguido segurar a presa.

O COBRO E TRABALHO NA ÁGUA , faz parte integral das suas qualidades naturais de trabalho.

* Deutscher Drahthaar designação dada à raça na página oficial do Clube Português de Canicultura (www.cpc.pt)
Bibliografia consultada: Os Nossos amigos os cães
www.bracoaleman.com (Estalão de trabalho)
Revistas de Caça e de Cães
Fotos: De cães do meu canil e provenientes do mesmo.

 

 
Imprimir   Imprimir
     
     
     
     
 
 
 
Votos (116)    
 
     
   
     
  Voltar

 
 

| Ficha Técnica | Aviso Legal | Política de Privacidade |

 

(TES:1s) © 2004 - 2014 online desde 15-5-2004, powered by zagari